domingo, 15 de janeiro de 2012

MERCOSUL E PALESTINA ASSINAM ACORDO

video



Acordo de Livre Comércio Mercosul-Palestina 


20/12/2011

Nota nº 497 - Itamaraty - Sala de Imprensa

Foi assinado hoje, em Montevidéu, Acordo de Livre Comércio MERCOSUL-Palestina, que conclui a negociação iniciada com a assinatura, em dezembro de 2010, na Cúpula do MERCOSUL em Foz do Iguaçu, de Acordo-Quadro de Comércio e Cooperação Econômica.

O Acordo é expressão do apoio dos Estados Partes do MERCOSUL ao estabelecimento de um Estado palestino independente e democrático, geograficamente coeso e economicamente viável,que possa viver de forma pacífica e harmoniosa com seus vizinhos.



Mercosul e Palestina assinam acordo na terça


18/12/2011

ANBA - Marcos Carrieri 

São Paulo – Mercosul e Palestina prometem firmar na terça-feira (20) um acordo de livre comércio. A parceria deve ser assinada durante a cúpula do bloco sul-americano em Montevidéu, no Uruguai, pelos chefes de estado do Brasil, Paraguai, Uruguai e Argentina, e pelos ministros palestinos da Economia, Hassan Abu-Libdeh, e das Relações Exteriores, Ryad Al-Malki.

À ANBA, o embaixador da Palestina em Brasília, Ibrahin Al-Zeben, disse que a assinatura do acordo é fundamental para a soberania do estado Palestino e tem grande importância estratégica para o país. “Abre espaço para a fluidez de comércio com o Mercosul, que hoje sofre restrições econômicas [de Israel]. Com o acordo ficamos livres destas restrições”, afirma.

Atualmente, os produtos que a Palestina exporta vão para Israel e, de lá, partem para o local de destino. Por isso, são classificados, em muitos casos, como produtos exportados por Israel. A partir do tratado que será celebrado com o Mercosul, estes produtos serão identificados com a procedência original.




Um comentário:

  1. Sinceramente....acho que a paz nunca acontecerá neste local.
    EUA se aliou a Israel e a Palestina está fadada a ser um povoado que produz pessoas para serem mortas.

    ResponderExcluir

Seguidores: